<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1159528794088341&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

BLOG SYNNEX WESTCON-COMSTOR
O blog dos negócios de TI.

Cloud Computing e Internet das Coisas: qual a relação dessas tecnologias?

Quando trabalhadas juntas, essas duas tendências são capazes de aprimorar os processos corporativos e auxiliar no crescimento dos negócios.

 

Cloud Computing é uma tecnologia que transformou a forma como as empresas trabalham e até gerenciam seus negócios. Ela tem gerado disruptura dos ambientes de TI, auxiliando as organizações a se adaptarem à Transformação Digital.

Enquanto isso a Internet das Coisas (IoT) foi introduzida no ambiente corporativo nos últimos anos e é capaz de conectar objetos e dispositivos e transmitir dados por meio de uma conexão com a internet. Ela também oferece grandes benefícios para as organizações, principalmente quando aliada a outras tecnologias, como a Nuvem.

Você sabe como a relação dessas duas tendências funciona? A integração entre Cloud Computing e Internet das Coisas pode contribuir diretamente para o crescimento de sua empresa. Quer saber como isso é possível? Continue a leitura desse post e descubra!

IoT e Computação em Nuvem

Esses dois conceitos parecem ser totalmente distintos, mas estão amplamente interligados. A Internet das Coisas viabiliza a comunicação entre objetos e Data Centers que utilizam infraestrutura em Nuvem para armazenar e gerenciar dados.

A IoT precisa de espaço e performance, requisitos que podem ser melhor atendidos por meio da Cloud. Assim, a organização pode contar com uma estrutura mais elástica e flexível para suportar as demandas de armazenamento e processamento, que aumentam cada vez mais devido aos novos fluxos de dados gerados pelos objetos conectados.

Essa união permite a utilização dos dados de forma eficaz e rentável, além de possibilitar o desenvolvimento de novos modelos de negócios, inovadores e mais eficientes.

Confira outras formas que a relação dessas tecnologias pode contribuir para o sucesso dos negócios:

- Viabilidade financeira

Os inúmeros dados gerados e compartilhados pelos dispositivos conectados à rede corporativa precisam ser processados e armazenados. Por meio da Nuvem, não é necessário investir em hardwares mais robustos e caros.

Desse modo, as possibilidades de utilizar os dispositivos IoT são muito maiores, pois a empresa consegue aumentar ou diminuir a largura de banda e capacidade de processamento.

- Segurança

Quando os usuários mantêm todos os dados em seus dispositivos, as vulnerabilidades de segurança aumentam, pois a maioria dos aparelhos não possuem sistemas de proteção aprimorados.

Agora, quando IoT e Cloud trabalham juntas, a transmissão de dados entre os dispositivos e a Nuvem é realizada de forma segura e criptografada.

- Adaptabilidade

Ter a capacidade de se adaptar às novas realidades e demandas do mercado é essencial para qualquer empresa. Ao aliar Nuvem e IoT é possível adquirir essa característica rapidamente. Isso porque a Nuvem torna os dados acessíveis por meio de diferentes dispositivos, basta que haja uma conexão com a internet.

Assim, a organização passa a ter sempre à disposição as melhores informações vindas dos dispositivos IoT para ser capaz de remodelar suas estratégias e tomar decisões mais adequadas à cada situação.

As possibilidades de utilizar Cloud Computing e Internet das Coisas de forma integrada traz inúmeras vantagens para os negócios. Essa união permite que as empresas ajam rapidamente em diferentes cenários, melhorem seus processos, produtividade e segurança. Assim, passam a estar preparadas para as constantes transformações do mercado.

Posts relacionados

Nuvem híbrida aberta: entenda o que é e suas vantagens

A nuvem híbrida aberta permite uma série de vantagens para empresas que querem investir em transformação digital. Saiba mais sobre o tema!

5G e Edge Computing: qual a relação entre estas duas tecnologias?

Exigências necessárias para viabilizar as capacidades avançadas de mobilidade, computação e armazenamento em redes sem fio 5G são atendidas pela Edge Computing. 

SASE: o que é e como pode garantir a segurança na nuvem?

As empresas estão, cada vez mais, migrando suas demandas para a Cloud Computing. Por isso, é necessário investir em uma solução robusta capaz de proteger todos os ambientes. 

Escreva seu comentário