<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1159528794088341&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

BLOG SYNNEX WESTCON-COMSTOR
O blog dos negócios de TI.

Como garantir a segurança de servidores?

Diante uma realidade cada vez mais digital e híbrida, as empresas precisam se preparar para oferecer segurança e disponibilidade de seus servidores aos usuários. 

As empresas precisam estar preparadas para lidar com um universo cada dia mais híbrido e digital. É necessário investir em tecnologia e soluções de colaboração para fornecer flexibilidade, segurança e conectividade para que os usuários e clientes tenham acesso aos sistemas corporativos de onde quiserem e a qualquer momento. 

Adaptar os negócios à Transformação Digital é crucial para garantir a continuidade dos negócios. E, nesta nova realidade, as informações se tornaram o ativo mais valioso de um empreendimento. Portanto, mantê-las sempre disponíveis e seguras passou a ser uma tarefa fundamental para a TI. 

Entretanto, muitas empresas ainda possuem dificuldade em cuidar e gerenciar suas infraestruturas internas, os servidores. Eles são os responsáveis por transmitir as informações corporativas aos outros computadores conectados por meio da rede. Logo, precisam ser prioridade nas estratégias de segurança. 

Pensando nisso, para ajudar nesse desafio, trouxemos algumas dicas importantes para garantir a segurança do servidor de seus clientes. Confira a seguir! 

O que é e qual o papel do servidor de uma empresa? 

De forma resumida, o servidor é um computador potente capaz de centralizar as informações de uma empresa em um único ponto. Ele é responsável por auxiliar o processamento dos demais dispositivos conectados à rede. 

Sua estrutura é mais robusta e completa do que um computador normal, por isso, consegue atender coletivamente a todos os requisitos dos usuários. Ele ainda é mais tolerante a falhas e utiliza hardwares e softwares personalizados. 

Por meio da centralização dos dados, ele fornece maior agilidade e desempenho para os usuários, que conseguem acessar os sistemas corporativos mais facilmente.  

Ao ser capaz de centralizar todos os dados corporativos, ele tem papel fundamental no funcionamento dos processos corporativos e transmissão das informações entre os funcionários.  

Devido a isso, a TI precisa garantir sua segurança assegurar a continuidade dos negócios.  

Como ter uma nuvem segura?

Como garantir a segurança do servidor corporativo? 

Para que o servidor garanta que todos os usuários tenham acesso aos dados e sistemas corporativos, é importante que toda a sua infraestrutura esteja funcionando corretamente. Para isso, a segurança é indispensável, já que um contratempo poderia causar indisponibilidade aos serviços. 

Desse modo, as empresas precisam colocar algumas medidas em prática para garantir a segurança dos servidores. Conheça as principais: 

Aumentar os investimentos em soluções de proteção 

Antes de mais nada, para evitar que vazamento de dados ou ciberameaças atrapalhem o funcionamento dos servidores, é crucial investir em segurança de ponta. Portanto, a empresa deve investir em ferramentas como antivírus, firewalls e VPN é indispensável. 

Essas soluções representam a primeira linha de proteção dos servidores contra as ciberameaças e são fundamentais para assegurar o seu bom funcionamento.  

Realizar backups periodicamente  

Além de possuir ferramentas eficientes de segurança, algumas ameaças conseguem encontrar brechas e violar os sistemas corporativos. Por isso, a organização deve sempre estar prevenida por meio de backups.  

O backup pode restaurar dados rapidamente, permitindo que a empresa continue operando. Logo, a TI deve realizar backups periodicamente para garantir a redundância das informações.  

Além disso, é necessário manter essas cópias de segurança fora da rede corporativa. Com isso, caso uma ciberameaça consiga invadir a infraestrutura, os conteúdos estarão protegidos.  

Trabalhar sempre com softwares atualizados 

Outro ponto importante a ser considerado na segurança do servidor de uma empresa é a atualização dos softwares de sistemas utilizados e seus aplicativos e sistemas operacionais. 

Por meio da atualização, a organização evita que versões antigas, que podem conter falhas, rodem em seus sistemas e criem vulnerabilidades. Portanto é fundamental se manter informado sobre as atualizações lançadas pelos fabricantes para melhorar o funcionamento das soluções utilizadas.  

Criar uma política de segurança da informação 

Por último, ressaltamos a importância de ter uma política de segurança da informação bem definida. Por meio dela, a empresa pode estabelecer normas e diretrizes para proteger o acesso físico e digital a seus servidores. 

A política deve estar alinhada à cultura organizacional e baseada nas necessidades e realidade da empresa. Além disso, deve conter um plano de ações para que os colaboradores saibam como agir diante dos possíveis problemas. 

Por meio dessas medidas é possível reforçar a segurança dos servidores das empresas, garantindo que os dados corporativos estejam sempre disponíveis e sejam acessados e transmitidos apenas por usuários autorizados. 

Posts relacionados

Trabalho remoto e Colaboração: como as ferramentas certas podem tornar as empresas mais produtivas?

Em um mercado cada vez mais digital, contar com soluções que oferecem comunicação ágil, maior eficiência e produtividade é fundamental para se destacar nos negócios. 

5 dicas de como a Nuvem pode auxiliar os e-commerces durante os picos de vendas

As revendas de TI precisam ofertar soluções em nuvem para os e-commerces suportarem os picos de cliques, acessos, pedidos e demais ações dos usuários nos canais digitais. 

O que é automação de vendas e quais os benefícios para revendas de TI?

Acompanhar todas as novas demandas e necessidades não é uma tarefa fácil. Saiba como não perder vendas com a automação.

Escreva seu comentário