<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1159528794088341&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

BLOG SYNNEX WESTCON-COMSTOR
O blog dos negócios de TI.

Como se adaptar às mudanças da transformação digital?

Acompanhar as constantes mudanças da tecnologia pode ser desafiador. Para ajudar nessa missão, separamos algumas dicas importantes do mundo digital.

 

A mudança, seja ela em qualquer área da vida, já é complicada. Quando falamos em mudanças e adaptações dentro de uma organização, os desafios podem ser maiores. Porém, com a constante evolução da tecnologia, essa transição dentro da empresa torna-se necessária.

É fundamental que CIOs, CEOs, CTOs e outros cargos de destaque exerçam um papel de liderança dentro dessa transformação digital. É da responsabilidade deles ofertar aos funcionários as ferramentas certas para acompanhar as mudanças.

Pode parecer difícil, mas a transformação digital traz consigo diversas oportunidades de negócios. Para ajudar seus clientes nessa fase de transição, separamos 5 formas para se adequar e atingir melhores resultados dentro e fora da empresa.

1. Repensar o modelo de empreendimento

Planejar é a palavra-chave para iniciar uma transformação dentro de uma empresa. É necessário que seja feita uma análise das tendências do mercado e, assim, identificar quais novas tecnologias podem se adaptar melhor dentro da organização e quais delas podem trazer otimização dos serviços.

Antes de iniciar a mudança, é preciso planejar uma estratégia, imaginando cenários futuros e definindo até onde se pretende chegar.

2. Reformular a cultura organizacional

Nenhuma mudança ocorre da noite para o dia. Além disso, a falta de comunicação pode criar desavenças com funcionários mais resistentes, passando a impressão de uma transformação forçada.

Portanto, é necessário reformular a cultura organizacional e deixar um espaço aberto para a comunicação. Os líderes devem participar ativamente, perguntando aos colaboradores que tipo de melhorias digitais eles gostariam de ter. Afinal, a mudança é um jogo em equipe.

E, mesmo depois da mudança feita, o diálogo deve permanecer, buscando feedbacks entre os funcionários.

Inscreva-se grátis!

3. Investir em um treinamento

Primeiramente, os colaboradores devem estar cientes dos motivos das mudanças e, então, terão uma visão mais clara do objetivo principal quando essa melhoria chegar. Empresas que investem em novos recursos fazem com que os colaboradores desenvolvam habilidades para acompanhar um novo ambiente de trabalho.

Por isso, é crucial implementar um programa de treinamento detalhado para os colaboradores, fazendo com que eles conheçam as mudanças diretas e indiretas que a transformação digital trará para a empresa.

E lembre-se: todos os funcionários, independente de cargos e níveis hierárquicos, devem participar. Isso eleva o domínio de habilidades e evita frustrações com as possíveis dificuldades da mudança.

4. Dar um tempo para a experimentação

Como citamos, as frustrações podem atrapalhar o rendimento do colaborador. E, para muitos deles, mudar significa sair da zona de conforto. Por isso, começar implementando uma cultura onde a experimentação é permitida e, até mesmo, incentivada é uma ótima opção.

Dessa forma, os funcionários podem testar as melhorias sem medo de cometer erros e das consequências. Outro ponto positivo da experimentação livre é que, quanto mais funcionários testando, mais descobertas eles podem fazer sobre a nova ferramenta, com novas maneiras de realizar tarefas do dia a dia, aumentando a eficiência e a produtividade.

5. Aumentar o envolvimento dos funcionários

Aumentar o engajamento dos funcionários e fazer com que eles pertençam às mudanças, fazendo com que eles se sintam mais valorizados e realizados é fundamental.

Por isso, apresente os benefícios que a transformação digital traz como, por exemplo, a flexibilidade do trabalho remoto, utilizar seus próprios dispositivos e interagir com ferramentas digitais.

Para finalizar, entenda: a transformação digital não é apenas sobre a tecnologia. A maneira como a empresa realiza sua estruturação, incentiva os colaboradores e investe em treinamentos, ocasiona uma cultura de trabalho onde todos desempenham um papel fundamental em uma transformação bem-sucedida.

Posts relacionados

Virtualização de desktop: o que é e quais as vantagens para as empresas?

Entenda como essa tendência funciona e os benefícios práticos que podem proporcionar no dia a dia corporativo. 

5G e Edge Computing: qual a relação entre estas duas tecnologias?

Exigências necessárias para viabilizar as capacidades avançadas de mobilidade, computação e armazenamento em redes sem fio 5G são atendidas pela Edge Computing. 

Orçamento de TI: qual a importância e como planejar um?

Para acompanhar às inovações do mercado e se adaptar às novas exigências dos clientes, é fundamental que as empresas saibam como montar um orçamento focado em tecnologia. 

Escreva seu comentário