<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1159528794088341&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

BLOG SYNNEX WESTCON-COMSTOR
O blog dos negócios de TI.

Como melhorar a experiência e a produtividade no trabalho remoto com segurança?

Muitas empresas tiveram de adaptar suas operações devido à pandemia, mobilizando suas equipes a trabalharem de forma remota. 

No Brasil, segundo dados do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), 11% dos trabalhadores ativos no país estavam trabalhando em home office entre maio e novembro de 2020.

Embora o trabalho remoto tenha trazido impactos positivos, como o aumento na produtividade e no foco dos colaboradores, o departamento de RH das empresas precisa rapidamente buscar soluções que sustentassem o engajamento das equipes durante o isolamento social.

Da mesma forma, a área de TI teve o desafio de prover melhores experiência aos colaboradores para acessar aplicações no dia a dia. Todo o fluxo de trabalho precisou de adaptações para ser intuitivo, rápido e sem necessidade de suporte.

Um modelo de trabalho que veio para ficar

Com o consequente isolamento social estabelecido pela pandemia, muitas empresas ainda não tinham estrutura e nem softwares para que as equipes pudessem trabalhar remotamente, o que provocou uma corrida para adequar o trabalho à nova realidade.

Um levantamento feito pela empresa de consultoria BTA mostrou que, por conta da pandemia, o modelo de trabalho home office se tornou o padrão para ao menos 43% das empresas brasileiras.

know_cytrix

Cibersegurança e estratégias de proteção

De acordo com a pesquisa Global Digital Trust Insights 2021, da PwC, as organizações brasileiras planejam investir 57% mais em iniciativas de segurança da informação em 2021, comparado com o ano de 2020.

Mas para fazer uma boa gestão a distância de equipes, é preciso investir em interfaces que não comprometam a privacidade e a segurança de dados, ao mesmo tempo que permita trabalhar em qualquer lugar, independentemente do dispositivo utilizado.

Assim, os espaços de trabalho do futuro devem estar aptos para consolidar atividades de gestão e monitoramento em uma administração central, além de permitir o acesso do colaborador aos conteúdos corporativos direto de uma nuvem ou datacenter.

 

Posts relacionados

Anti-malware: o que é, como funciona e quais são os tipos de detecção de ameaças?

Sistemas de segurança virtual são indispensáveis para qualquer tipo de organização, principalmente devido ao alto nível das atuais ameaças digitais.

LGPD e saúde: quais os impactos e medidas a serem tomadas pelo setor?

As empresas desse setor precisam tomar alguns cuidados específicos para controlar os dados de seus usuários. Saiba o que é necessário para se manter em conformidade. 

Ransomware e gestão de dados: como superar os desafios em ambientes híbridos?

O ransomware é um crime cibernético que sequestra os dados corporativos das empresas e exige resgate. Veja como agir perante essa prática! 

Escreva seu comentário